sexta-feira, 6 de março de 2009

5ª feira, 8 de Outubro, 9h da noite, kilómetros e kilómetros sem ninguém se cruzar na estrada, vilas apagadas, aldeias fantasma, ao fundo de uma recta escura uma luz branca, néon roxo armadilha de moscas, um restaurante cheio!
Mesmo só, espero por um lugar à mesa. Azenhas do mar não viria no mapa não fosse um restaurante.

7 comentários:

Filipe LF disse...

Sempre a surfar em linhas perfeitas...
Que Inveja!

ART B disse...

esse restaurante é maravilhoso ou melhor "brutal" :D em todos os sentidos!

Maria de Fátima disse...

que inveja :)

pozinhos... disse...

Desde os meus 5 anos que sempre passei férias, nas azenhas do mar.
Mas és tu que me tens que dizer onde fica esse restaurante :)

beijinho

Carla Pessoa

Rui Pedro Esteves disse...

Fico fascinado com a subtileza dos teus caderninhos, desde a facilidade com que brincas com o positivo e negativo dos temas que desenhas até à poesia da tua linha. Mas fico ainda mais feliz por saber que és professor de desenho e que desenhas! Pois em 5 anos de faculdade e 3 profs de desenho nunca vi nenhum a desenhar, sem preceber muito bem porquÊ!!!! lol

Abraços e bons sketchs

João Catarino disse...

Curioso! Também não me lembro de ver nenhum professor meu de desenho da faculdade a desenhar!

T. disse...

O teu blog é simplesmente fabuloso e os teus traços captam a essência da vida... o que tantas vezes tenho fazer com a fotografia...

Abraços.

T.