terça-feira, 30 de junho de 2009

"Renaultis quatrum" são já raros os exemplares que restam de uma população outrora muito numerosa que se espalhava pelo país inteiro. Sendo uma espécie originária de França, foi em Portugal que se registou o nascimento do ultimo exemplar que conhecemos no mundo inteiro.
Pela sua versatilidade, desempenho, economia e fiabilidade, para além das qualidades todo terreno, os parques Naturais Portugueses adoptaram-no durante muitos anos como "animal para toda a obra"!

5 comentários:

pozinhos... disse...

A minha ainda cá anda :D
bj

Baleia disse...

é muito bom é... mas não chega aos calcanhares (às rodas) do meu "Citoenae Dyanissimus"!!!

bjnhs

Isabel disse...

maravilhosas as paginas do teu blog. a primeira vez que vim para a Mauritania desci num destes em Marrocos as pessoas diziam adeus todas contentes de verem estrangeiros no R4 uma maravilha permitindo descubrir a viagem de uma maneira mais lenta

agv disse...

E a caixa de velocidades, com aquela frase com que sempre gozavamos: "dá cá a bengala, toma lá a bengala"

zamotanaiv disse...

Perto de Odemira passei por uma picada que no início tinha uma tabuleta muito ferrugenta a dizer:

Caminho reservado a jipes e 4L.

O caminho ia dar a um queda de àgua linda, não fosse verão e a ribeira seca.