sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Diz que para o ano o POOC (Plano Ordenamento da Orla Costeira) vai passar por aqui! Com o pooc vai-se o improviso criativo e inventivo da utilização aproveitamento de materiais que servem para muito mais do que a função para a qual foram criados. Com o pooc a D. Amélia terá de estender a roupa nas traseiras para não estragar a vista ao turista, com o pooc o Sr. Rui não fará mais bricolagem, com o pooc as crianças não caem no precipício, com o pooc, os grelhadores a carvão vão passar a ser eléctricos, com o pooc o passadiço de cimento será revestido em "deck" de madeira nórdica, com o pooc não haverá mais mangueiras pelo chão, nem xixi de cão, nem espinhas de peixe para o gato trinchar, nem cão, com o pooc não haverá mais telhas de betão, com o pooc não haverá puxadas de iluminação, pelo progresso da civilização para o ano com um simples "póc" certamente que ficaremos mais pobres naquilo que éramos verdadeiramente bons, no melhor sentido, a armar barraca sempre com inovação inventiva, colagens, bricolagens e muito improviso.

2 comentários:

Margaridaa disse...

...é, a uniformização é algo que arrepia. Tudo igual, muito asséptico, sem cheiro nem sabor.

Belos, os desenhos.

Rui disse...

Excelente caracterização.
Abraço
Rui Machado