sábado, 5 de junho de 2010

Desde que saiu o Livro Diários de Viagem do Eduardo Salavisaentramos todos na berlinda!
De repente descobrimos que afinal em Portugal havia muito mais gente a desenhar por aí, depois com o aparecimento do site UrbanSketchers criado nos EUA por Gabi Campanário percebemos que afinal, também no mundo inteiro havia muita gente agarrada aos caderninhos.
Agora destaparam aquilo que andou escondido nas estantes lá de casa tanto tempo, os caderninhos definitivamente viram a luz do mundo e de que maneira, agora há colóquios, conferências e palestras, workshops e pós graduações, concursos, acções de formação que contam para os créditos de formadores, eu sei lá, sei é que graças a isto também já me sentei à mesa com uns belos cromos mundiais do desenho em cadernos, como o Lapin.

4 comentários:

hfm disse...

Ehehe isto eu vi-o fazer! e até parecia simples fazer...

Filipe LF disse...

E Aquele cromo mundial, o Catarino?!
Esse é que é um barão vermelho (e preto) do Pincel!
Abraço

josé louro disse...

Pois, mas o desenho é que interessa...

Eduardo Salavisa disse...

Desenhar, desenhar, desenhar...